Sunday, June 1, 2014

O Mundo Proibido de Daniel V. - Maria Luisa Castro

Linked by...
Este livro é um link inicial. Como sabem, é possível surgirem no blogue livros "não linkados". Normalmente estes "novos inícios" surgem, ou porque o livro nos foi oferecido, ou porque foi recomendado pelos nossos seguidores. Neste caso especifico, o livro foi-nos oferecido pelo blogue "Segredo dos Livros", pela realização de um passatempo no qual participei.

Gostaria antes de mais, de agradecer ao blogue esta oferta. O passatempo envolvia vários livros e era necessário escolher a ordem dos livros que o participante queria ganhar. A minha escolha foi totalmente aleatória pelo que acho curioso que me tenha "calhado" um livro do género erótico. Isto porque é um género que não leio habitualmente, e também porque será o primeiro título de literatura erótica a ser lido para o blogue.

Não fazia ideia de como seria este livro, mas o género não me atrai, e nem a mais recente "loucura" com as sombras de Gray me fez ler literatura erótica. Será que estou a perder com este meu afastamento? Talvez. Antes de o começar a ler, acalentava a esperança de que este livro pudesse revelar-se uma agradável surpresa.

Linked opinion...
Se é isto a literatura erótica, de facto não estou a perder mesmo nada. Infelizmente, não posso dizer que tenha gostado.

É uma história simples, quase inexistente, recheada de clichés e lugares comuns. Não há nada de novo, original ou criativo neste texto. Pelo contrário. É completamente previsível, pouco credível, e só um fim surpreendente poderia tentar salvar esta história, mas nem isso aconteceu.

Quanto aos personagens, o mesmo se passa, ou seja, nada de especial, nem nada de memorável. Não senti qualquer empatia ou simpatia pela protagonista, que quase que me fez envergonhar por  ser mulher, e quanto ao Daniel V., pela descrição que é feita, parece um personagem directamente retirado de uma Bianca Enfim. Nem se pode dizer que seja um livro para esquecer, pois nem sequer chega a ficar na memória.

Existem no entanto alguns aspectos positivos. O melhor deste livro é sem dúvida a edição. Uma ou duas gralhas no máximo, os capítulos bem separados, a letra numa fonte muito fácil de ler, o papel espesso e uma capa muito atractiva, tornam este livro muito apelativo ao leitor. Imagino que fácilmente capte a atenção nas livrarias. Lamentavelmente, o que está "prometido" na capa, não corresponde ao interior. Duvido também que a editora publicasse este livro se o mercado não estivesse em "fase de literatura erótica".

Outro aspecto positivo é a acessibilidade a qualquer leitor, mesmo a quem não esteja habituado a ler livros. A linguagem é muito simples e comum. Qualquer pessoa poderia ter escrito este livro, pelo que qualquer pessoa o conseguirá ler sem problemas. Também não há nada que "choque" o leitor nas partes mais eróticas ou sexuais da história, nem na linguagem utilizada, nem no que é descrito.  A história é que não vale a pena ser lida, mas isso já é outra coisa.

Esperava que a literatura erótica pudesse ser mais interessante,  subtil e  polida. Contudo, apesar de não conhecer este género, recuso-me a tomar um texto como este, de tão fraca qualidade literária, enquanto exemplo deste tipo de literatura. Não aconselho. De todo.

Linked opinion by other bloggers...
opinião no blog "Menina dos Policiais"
opinião no blog "O Tempo entre os Meus Livros"
opinião no blog "Leitura Não Ocupa Espaço"

Linked books...
O Surfista Prateado (Marvel) - Stan Lee (foi mencionado o herói protagonista destes livros de banda desenhada da Marvel: o Surfista Prateado) 
O Feiticeiro de Oz - L. Frank Baum (foi mencionado o filme, mas como antes de ser filme foi livro, resolvemos incluí-lo também aqui)

Linked music...

Linked movies...

Linked singers and bands...
Diana Krall
Massive Attack
Linked places...
Hotel Embaixador
(Lisboa, Portugal)

No comments:

Post a Comment