Saturday, July 13, 2013

Os Filhos de Wang Lung - Pearl S. Buck

Linked by...
Viemos aqui parar através da menção de João Aguiar, no seu livro "Os Comedores de Pérolas". O nome deste autor é-me familiar, mas não me recordo de alguma vez o ter lido.
Nas minhas buscas virtuais sobre este título, descobri que faz parte de uma trilogia. Por infelicidade, este é o 2º volume, o que me fez pensar que talvez não fosse o melhor sítio para começar.

Acabei por descobrir este exemplar, que andava a estragar-se em casa da minha sogra, de onde foi resgatado.

Linked opinion...
Este livro é excelente. Uma história muito interessante, escrita de forma simples. Uma escrita limpa e fluida que muito me agradou.

O facto de a história decorrer na China rural, proporcionou-me um "contacto", uma proximidade encantadora, com os costumes do povo chinês daquela época. Fiquei maravilhada com o que "conheci" através deste livro, e sendo a minha ignorância neste tema quase total, foi aí que o livro mais me marcou.

A história é sólida e interessante. É também estranhamente inesperada. Utilizo a palavra estranhamente, porque o que me aconteceu foi pensar que sabia o que vinha a seguir, e ver-me sempre negada a confirmação dessa expectativa, que parecia tão provável e por vezes até o único desenlace possível...Grande imaginação do autor. Excelente.

Não senti qualquer estranheza em relação à história, ou falta de informação pelo facto de este ser o 2º volume da trilogia, e não ter lido ainda nenhum dos outros dois. Pode até ser que venha a senti-lo no futuro ao ler as outras histórias, mas para já diria que apesar de se completarem, cada um dos volumes tem uma história auto-suficiente, bem delimitada e independente.

Muito bom este livro. Recomendado.

Linked books....
Sem dúvida com ligação a este título, e mencionados pela editora estão os outros dois livros desta trilogia:
Terra Bendita - Pearl S. Buck
A Casa Dividida  - Pearl S. Buck

Linked flora...

Zimbro
Peónias
Canafístula
Sorgo
Linked clothing...
Cabaia
Linked looked up words...
jerarquia - o mesmo que hierarquia.
gorja - garganta, pescoço. 
momo - momice; representação mímica; farsa satírica. [figurado]; escárnio.
concitava - instigar (para o que é mau); excitar, provocar.
geomancia - adivinhação por meio de figuras traçadas no solo.
escamotear - fazer desaparecer de modo que não se perceba; roubar com subtileza. = EMPALMAR; esconder ou encobrir algo.
algibebe - o que negoceia em fatos feitos.
hausto - acto de haurir.[linguagem poética]; acção de aspirar. = ASPIRAÇÃO, SORVO; porção que se bebe de uma só vez. = GOLE, TRAGO
adelo -
pessoa que compra roupas e coisas usadas para revender. = ADELEIRO, FERRO-VELHO
poltrão - cobarde, medroso, pusilâmine; homem timorato.
festão -  cordão de folhagem com ou sem flores entremeadas; grinalda; ornato ou bordado de flores dispostas com arte.
vilegiatura - temporada que se passa fora da terra, a banhos, no campo ou viajando, para descansar dos trabalhos habituais.
arenga - discurso enfadonho; exposição fastidiosa; alocução.
flanar - passear sem destino e sem pressa por mera distracção = flainar

Friday, July 12, 2013

O Crime de Lorde Arthur Savile - Oscar Wilde

Linked by...
Foi na nota biográfica sobre o autor, no seu livro "O Retrato de Dorian Gray" que lemos este título. Como sabem, essa anterior experiência de ler Oscar Wilde, não se revelou totalmente positiva. As expectativas estavam altas, dado tratar-se de quem é, e esperava a excelência, tendo encontrado apenas o mediano. Ao iniciar esta leitura, esperava que desta vez, com as expectativas baixas, fosse surpreendida. Apesar também de se tratar do mesmo autor, estamos perante um conto, um formato que difere substancialmente do romance. Esperamos pois, que se revele mais positiva esta leitura que a anterior.

Este exemplar foi adquirido no Bazar Social da Ericeira, no mês de Março de 2013.

Linked opinion...
Infelizmente ainda não foi desta que Oscar Wilde me convenceu. O problema desta vez não foram as expectativas elevadas, antes pelo contrário.

O que acontece, mais uma vez, é que não é um mau livro, mas é mediano, e de Oscar Wilde esperava a excelência. É interessante o suficiente para manter o leitor minimamente interessado, mas não traz nada de novo. Não gostei particularmente da história e menos ainda do seu desfecho.

Enfim, lê-se...mas ainda bem que é pequenino. Sinceramente, acho que não vale a pena, mas quem estiver interessado também não perde nada, já que é um conto que se lê num instantinho.

Continuo contudo a não querer acreditar que Oscar Wilde é só isto que eu li até ao momento, pelo que continuarei a insistir na leitura de obras deste autor. Assim os links mo permitam...

Linked books...

A Importância de se Chamar Ernesto - Oscar Wilde ( Escolhido entre os livros do autor mencionados na sua nota biográfica, e por ter considerado que este era um título engraçado e sugestivo)

Hamlet - William Shakespeare (foi mencionado este título e também uma das suas personagens: Guildenstern)

Henry IV - William Shakespeare
Henry V - William Shakespeare
(é mencionado o príncipe Hal, personagem de Shakespeare que surge nestas duas peças)

Ruffs Guide to the Turf - W. H. Langley (menção ao Ruff´s Guide)

A Esfinge Sem Segredos - Oscar Wilde (no final deste livro, e apesar de nada o prever, encontrava-se este conto)

Linked places...

Bayswater
Oxford Street
Igreja de Marylebone
Portland Place
Belgrave Square
Curzon Street
St James Street
Linked newspapers...

Pall Mall

St James
The Globe
The Evening News
The Echo

Thursday, July 11, 2013

Fausto - Johann Wolfgang Goethe

Linked by...
Chegamos a este título a partir do livro Werther, também de Goethe. Fausto era uma das obras referidas na nota biográfica sobre o autor, e na altura havia um exemplar disponível na Winking Books. Também Eça de Queirós, em "O Mandarim" menciona Mefistófeles, um dos personagens-chave de todas as versões de Fausto, sendo esta de Goethe a mais popular.

Este exemplar foi adquirido na Pó dos Livros, pois o exemplar na Winking Books deixou de estar disponível.

Werther, o outro título que lemos deste autor, foi uma agradável surpresa, e apesar de não sabermos muito bem o que esperar de Fausto, a não ser que o diabo entra na história, estamos na expectativa de saber sobre o que trata este livro, com um título tão popular.

Nota -  Este título foi posteriormente mencionado em:
Linked opinion...
Simplesmente magnífico. Se a literatura é uma forma de arte, esta criação de Goethe, é sem dúvida uma belíssima obra de arte.

Fiquei estupefecta. Nunca havia lido nada assim. Tem de tudo. É tão simples quanto é complexo, tão fútil quanto profundo, tão original quanto lugar-comum...e esta "promiscuidade" resulta. E em grande.

Que imaginação teve Goethe e que poder criativo e literário para produzir algo assim. Não sei se terá sido a "obra da vida" deste autor, mas tenho quase a certeza disso. Mas se estou enganada e ele escreveu melhor ainda, quero ler!...

Soberbo. Contudo, deveria talvez ter-me preparado melhor para esta leitura, ou tê-la realizado de forma mais apoiada. Mas estava tão interessada em continuar, que interpretava "à minha maneira" e seguia em frente. Tornou-se assim uma experiência melhor de leitura, mas provavelmente, algumas coisas terão sido por mim compreendidas erradamente.

Não consigo também imaginar esta peça em palco. Tenho sérias dificuldades. Ao contrário do meu post anterior, em que falei do livro Peter Pan dizendo que seria em palco que a história atingiria a sua plenitude, neste caso, a minha opinião é exactamente oposta. Julgo que esta obra, apesar de ter sido escrita como peça teatral, é enquanto literatura que atingirá o seu expoente máximo.

Seja como for, no teatro ou num livro, recomendo, sem qualquer dúvida.

Linked books...

A Chave de Salomão - Salomão

As Profecias de Nostradamus - Mario Reading (foi mencionado o livro misterioso de Nostradamus, e escolhido este título após procura na Wook)


Paraíso Perdido  - John Milton (foi mencionado Mamon, que em Milton nesta sua obra é um demónio que constrói para Satã um palácio com veios de ouro ardente. Goethe, utiliza a palavra em ambos os sentidos de "ouro" e de "entidade demoníaca")

Ilíada de Homero
Odisseia de Homero
(foi mencionado Páris, personagem da Ilíada de Homero, e também Menelau e Helena de Tróia que são comuns a estas duas obras de Homero)

The Xenia - Goethe & Schiller

O Parasita Ou o Papa - Jantares - Luciano de Samósata (foi mencionado o autor, e este título foi a única edição em português que encontrei na Wook)

Linked mythological figures...

Prosérpina
Plutus
Esculápio
Peneios

Liepzig
Blocksberg (Alemanha)
Ilsenstein (Alemanha)
Farsala (Grécia)
Burgdorf (Suíça)
Linked mythological symbols...

Durindana
Pentagrama
Linked people...
Luciano
Aristófanes
John Law
Linked looked up words... 
cilício - cinto áspero ou eriçado que alguns católicos trazem sobre a pele para mortificação e penitência;  [figurado]  tormento ou mortificação voluntários. ímpio - que falta aos deveres de piedade, sacrílego, sem respeito pelos deuses; que ou quem não tem religião. = ATEU, HEREGE, INCRÉDULO, IRRELIGIOSOCRENTE, PIO, RELIGIOSO; que ou quem é contrário à religião; que ou quem não respeita as coisas sagradas ou as práticas religiosas; que ou quem ofende o que se considera digno de respeito; desumano, cruel.verruma - pequeno instrumento, geralmente de ferro, que serve para abrir furos na madeira. = BROCA, TRADINHA
alabardeiro - homem armado de alabarda. (hoje diz-se archeiro.)
mistagogo -  iniciador nos mistérios religiosos; guia [figurado]; mentor. panteísmo - doutrina ou sistema filosófico que só admite como Deus o todo, a universalidade dos seres.
escol - o que há de melhor ou de mais distinto numa colectividade. = ELITE; aquilo que é melhor dentro de um grupo de pessoas ou de coisas. = FLOR, NATA
mefítico - que liberta elementos malcheirosos e nocivos à saúde (ex.: gases mefíticos). = FÉTIDO, INFECTO, PESTILENTO, PODRE
cadinho - recipiente em barro refractário, ferro ou platina utilizado para as reacções químicas a altas temperaturas;  parte inferior de um alto-forno onde se acumula o metal fundido [metalurgia]. videirinho - que ou aquele que trata cuidadosamente da sua vida ou dos seus interesses. = FURA-VIDAS, TRABALHADOR, VIDEIRO 

Friday, July 5, 2013

Peter Pan - J. M. Barrie

Linked by...
Este livro surge pela mão de John Le Carré, que o mencionou no seu livro "A Guerra de Espelhos". É surpreendente que este livro ou os seus personagens principais Peter Pan e Wendy, não terem sido mais vezes mencionados. Contamos contudo que o venham a ser futuramente, dada a sua grande popularidade. Com esta menção, tive a oportunidade de reler um clássico intemporal, que será também familiar aos leitores deste blogue. Lembro-me de o ter lido em criança, e de ter gostado. Mas lembro também de não me ter marcado daquela forma como lembramos os nossos livros favoritos da infância. Estou entusiasmada por o ir ler de novo, com olhos de adulta, para ver se a sensação é a mesma, e curiosa para ver a que ligações nos leva.

Linked opinion...
É curioso que ao reler este livro, agora como adulta, a sensação que tenha ficado é a mesma de criança. Tal como quando era mais pequena, gostei do livro, mas ele não me impressionou, apesar de ser, sem qualquer margem para dúvida, um bom livro.

A imaginação e a criatividade do autor são louváveis. Esta história do rapaz que não queria crescer, tem tantos ingredientes originais e fantásticos, que ler a história é como fazermos também nós uma viagem na nossa imaginação, semelhante à viagem até à Terra do Nunca dos nossos protagonistas. A nossa imaginação tem que estar em boa forma para acompanhar esta aventura.

Esta história foi feita inicialmente para ser representada, e acho que será aí, num palco, que estará em pleno. A história, enquanto história para ser lida, apesar de muito boa, falta-lhe (na minha opinião, é claro) qualquer coisa mais. Mas provavelmente, o que falta, terá a ver com o propósito inicial de ser encenada.  Julgo no entanto, que no palco, conquistará todos os corações, grandes e pequenos.

Uma nota curiosa que descobri ao investigar sobre este livro, foi que o nome "Wendy", um nome hoje em dia tão popular, foi uma invenção do autor.

Aconselho a levarem os mais pequenos ao teatro a ver esta peça.

Linked book...
O Pequeno Ministro - J.M. Barrie (da nota biográfica do autor)
Jardins de Kensington - Rodrigo Frésan (o que foi mencionado aqui foram os Jardins de Kensington em si mesmos e não o livro como mesmo título. No entant, quando procurava informações sobre os jardins, deparei-me por acaso com este livro, cujo enredo parece estar intrínsecamante ligado à história de Peter Pan, e do seu autor J.M. Barrie, pelo que achei por bem incluí.lo enquando ligação)
Romeu e Julieta - William Shakespeare ( "Queen Mab" foi mencionada)

Linked places...

Jardins de Kensington (estátua de Peter Pan)
Linked flowers...

Pervinca
Miosótis
Linked people...
Carlos II de Inglaterra