Wednesday, November 14, 2012

O Inferno (A Divina Comédia) - Dante Alighieri

Linked by...
Por incrível que pareça, esta obra não foi mencionada no texto de nenhum dos livros que fazem parte do blogue até ao momento. Porque é que aparece então no blogue? É simples. A Odisseia de Homero, como é natural, não contém menções a outras obras no seu texto. No entanto, no exemplar (usado) que eu li, alguém tinha sublinhado a lápis alguns títulos do índice da colecção (livros de bolso Europa-América). Achei esse facto curioso, e decidi aceitar esses títulos como "links" a seguir. O Inferno de Dante, era um desses títulos.

Nota: este livro foi posteriormente mencionado em:
Linked Opinion...
Esta é sem dúvida, uma boa leitura e uma obra incontornável. Não é contudo, uma leitura fácil.

Foi preciso algum trabalho e persistência para conseguir verdadeiramente compreender o texto, e confesso que sem as abundantes notas de rodapé, isso me teria sido impossível. A técnica que utilizei para tal, passou por reler cada passagem anotada. Para além disso a elaboração de um esquema estrutural (círculos, fossos, vales, etc., com os pecados associados) também me ajudou muito a ter uma visão global, quando por vezes me perdia nos pormenores de cada passagem. Isso levou tempo, mas valeu bem a pena.

A história é verdadeiramente incrível e a imaginação do autor notável e excepcional. Esta viagem de Dante ao Inferno, acompanhada por Virgílio, tem de tudo. É em primeiro lugar uma viagem, um empreendimento  épico, uma aventura. Mas é muito mais que isso. É também e sobretudo, um relato político, social, religioso e filosófico.

A forma como o autor faz este relato, em cantos, é de uma grande beleza literária, que contrasta com a fealdade e brutalidade dos personagens do Inferno e do local em si mesmo.  A imagética transmitida pelo autor é impressionante, e dificilmente olvidável. Impressionou-me também a mistura de personagens reais, figuras bíblicas, e personagens da  mitológia clássica, num intrincável e complexo drama, mas que acaba por fazer todo o sentido.

A estrutura física do Inferno é algo que achei também muito bem imaginado e a sua descrição muito bem conseguida. E para além do relato da viagem, são tantos os aspectos de reflexão, que o leitor não pode deixar de gostar desta obra. Ficou-me principalmente a reflexão sobre o conceito de pecado, sobre a sua gradação, tal como proposta pelo autor, e sobre a capacdade humana para a maldade e para o lesto julgamento do próximo.

Resumindo, considero que é um livro que deve, sem qualquer dúvida ser lido. Contudo, e como já referi, não é uma leitura fácil "à primeira". Requer alguma dedicação. Pelo menos, comigo passou-se assim.

Linked books...
A Eneida - Virgílio
A Ilíada - Homero (foi referida a guerra e o cavalo de Tróia)
Ab Urbe Condita Libri - Tito Lívio (foi mencionado o relato de Tito Lívio sobre a 2ª guerra púnica)
Metamorfoses - Ovídio
Fábulas de Esopo  (mencionada a fábula do rato e da rã)
Farsália - Lucano (mencionado o livro IX)
O Livro do Tesouro - Brunetto Latini
O Eunuco - Terêncio

Para além das obras mencionadas no texto, não posso deixar de incluir os outros dois títulos desta trilogia que em conjunto formam a Divina Comédia:
Purgatório - Dante Alighieri
Paraíso - Dante Alighieri

Linked mythological figures...
Aracne
Gérion (na imagem Hércules a lutar com Gérion)
Etéocles (na imagem Etéocles luta com o seu irmão Polinices)
Diómedes
Linked places...
Tentei aqui encontrar imagens dos locais mencionados, datadas o mais próximo possível da data em que a obra foi escrita (primeira década do séc XIV)


Trento (Itália) - na imagem "View of Trento" de Albrecht Durer, que data de 1494


Pádua (Itália) - na imagem desenho do jardim botânico de Pádua e da basílica de Santo António que data de 1545

Florença (Itália) - na imagem, vista de Florença por volta de 1490
Linked people...
São muitas as pessoas que eu desconhecia, mencionadas por Dante na sua obra. Em seguida apresento algumas delas. Caso tenha interesse numa lista completa de todos os personagens desta obra , clique aqui.
Dionísio (tirano de Siracusa)
Obizzo II d'Este  (na imagem o brasão de armas da família d'Este)
Guy de Montfort
Pier della Vigna
Giacomo di Sant'Andrea e Lano di Siena (na imagem a  fuga de ambos relatada na obra)
Catão de Útica (na imagem um óleo de Charles de Brun: "O Suicídio de Catão de Útica")

Juba I, Rei da Numídia
Agnello Brunelleschi (na imagem, a ser atacado por uma das serpentes transformadoras)


Linked biblical figures...

Simão, o Mago

No comments:

Post a Comment